Nove anos de blog!

Eu tinha 29 anos. Eu estava no primeiro ano do curso regular de ballet clássico. Eu fazia aulas na minha segunda escola. Eu queria me formar. Eu me sentia um peixe fora d’água.

Eu tenho 38 anos. Não estou fazendo aulas de ballet clássico. Eu passei por três escolas de dança. Desisti de me formar. Eu não me sinto mais um peixe fora d’água.

Nove anos entre o começo do “Dos passos da bailarina” e hoje. Tantas idas e vindas, mas uma coisa não mudou: continuamos por aqui.

Quem acompanha o blog assiduamente deve ter percebido que os posts voltaram. Nada de passar um mês sem publicar e assim será, dou minha palavra. Porque eu voltei a sentir vontade de estar neste lugar. Porque voltei a me sentir bem com o ballet clássico. Porque aceitei essa nossa relação, que não é a dos meus sonhos, mas é a que podemos ter.

Obrigada por todas vocês ao longo desses anos, a quem vinha sempre e deixou de vir, a quem só passou de vez em quando, a quem veio e não saiu mais.

Rumo aos 10 anos? É o que eu espero! Sigamos juntas até lá!

Karla Doorbar, The Taming of the Shrew, Birmingham Royal Ballet. Foto: Caroline Holden. Fonte: @thebeautyofbrb.