O livro do blog por R$ 1,99

Não, vocês não leram errado.

Graças ao Black Friday, a Amazon colocou o meu livro em promoção: até o dia 27 de novembro, o preço do livro passará de R$ 10,50 a R$ 1,99. Aposto que esse valor não é sequer a passagem de ônibus na sua cidade.

Importante: o livro existe apenas em versão digital, não em papel.

“Cássia, eu não tenho Kindle, como posso comprar?”

Não tem problema, você pode ler no seu celular, tablet ou computador. Como?

  • Baixe o aplicativo aqui, ou na App Store, Google Play ou Windows Store.
  • Faça o seu cadastro na Amazon.
  • Compre o livro.
  • Baixe-o no aplicativo e leia feliz.

Quer aproveitar? Compre o livro AQUI.

Palavras de Maurice Béjart

Um dos meus livros de dança mais queridos é o Dançar a vida, de Roger Garaudy. Eu o citei no post “Os meus livros de cabeceira“, mas preciso falar com mais profundidade. Talvez um outro dia.

Hoje, relendo algumas passagens, me fixei nesta parte do prefácio escrito por Maurice Béjart. Para ler, reler e pensar a respeito.

* **

“A dança não é apenas um espetáculo, e o entusiasmo de um público novo e fervoroso não levará a parte alguma se uma profunda revolução não lhe devolver seu lugar no seio de uma sociedade que busca definição.

“Dançar é tão importante para uma criança quanto falar, contar ou aprender geografia. É essencial para a criança, que nasce dançando, não desaprender essa linguagem pela influência de uma educação repressiva e frustrante. É preciso que cada um de nós, ao sair de um espetáculo de dança que o tenha entusiasmado, se debruce sobre esse problema e o encare ao nível da existência e não apenas no do espetáculo, transpondo desse modo a satisfação interior para o plano da participação duradoura.

“O lugar da dança é nas casas, nas ruas, na vida.”

Maurice Béjart, trechos do prefácio de Dançar a vida, de Roger Garaudy.

Há três anos… 

Eu lançava o meu primeiro livro, Dos passos da bailarina, uma compilação de textos publicados neste espaço entre 2009 e 2013. Já contei como surgiu a ideia? Depois de fazer backup do blog, me surpreendi com a quantidade de material escrito, será que daria um livro? Além disso, naquela época, eu pensava em encerrar o blog e um livro seria uma boa maneira de fazer isso.

No fim das contas, o livro saiu, o blog continuou, outros dois livros vieram – Primeira frase de um livro não escrito e Virgínia –, estou escrevendo outros dois, e o ballet clássico passou a ter outro significado na minha vida. Antes eu era mais deslumbrada e apaixonada, hoje sou mais realista. Virou amor.

O livro remonta o meu encontro com o ballet clássico e como eu me descobri bailarina. Quem sabe um dia eu escreva sobre a minha relação com a dança depois desse período. Quem sabe.

Para comprar:
O livro existe apenas em versão digital. A diferença de valores entre as lojas é por causa do reajuste do preço de acordo com a cotação do dólar.

• Clube de Autores, aqui.
• agBook, aqui.
No Clube de Autores e no agBook, o arquivo é PDF. Para baixar o Adobe Acrobat Reader, aqui.

• Amazon.com, aqui.
• Amazon.com.br, aqui.
Na Amazon, é necessário ter um leitor digital Kindle ou baixar o aplicativo, disponível para computador, tablet ou celular. Para baixá-lo, aqui.

• Livraria Cultura, aqui.
• Kobo Store, aqui.
No Kobo e Livraria Cultura, é necessário ter um leitor digital Kobo ou baixar o aplicativo, disponível para computador, tablet ou celular. Para baixá-lo, aqui.

Redes sociais

Para conhecer a opinião e as críticas a respeito do livro.
Skoob
Goodreads

Capa do livro Dos passos da bailarina.