Um trecho da mais bela camélia

Um dos meus pas de deux preferidos é o “Pas de Deux Negro”, de A dama das camélias. Ele apareceu primeiro aqui, depois o publiquei completo aqui, ele fez parte deste outro post aqui e falei dele novamente na minha lista de preferidos aqui. Perceberam o tamanho do amor?

Uma das minhas bailarinas preferidas é a Evgenia Obraztsova, e vocês já cansaram de vê-la no blog. Além de gostar dela como artista, há uma grande identificação: sou tão pequena quanto ela.

Em um canal não oficial do YouTube, assiste a este trecho dela dançando esse pas de deux. Linda linda linda!

Trecho de “Pas de deux negro”, A dama das camélias, Evgenia Obraztsova e Vladislav Lantratov.

Um Natal diferente

Para uma bailarina, fugir de “O Quebra-Nozes” durante o período natalino é uma tarefa bem difícil. Sempre tentei, mas em 2009, 2010, 2011 e 2012, eu não consegui. Nada contra esse repertório, pelo contrário, guardo um profundo amor por ele. Mas é previsível, né? Pois, finalmente, atingi o meu objetivo.

Guardei esta preciosidade desde o começo do ano: Evgenia Obraztsova dançando “Tarantella”, do ballet Anyuta, em um especial para a TV russa. No meio da coreografia, ela joga presentes para a plateia. Depois, continua girando lindamente como se fosse a coisa mais normal do mundo.

Assim desejo o Natal para nós: alegre, delicado e cheio de sorrisos. Os presentes? Amor e afeto, sempre.

Feliz Natal!

“Tarantella”, Anyuta, Evgenia Obraztsova, especial de Ano-Novo da TV russa.

Ensaio de “Marco Spada”

Em 1857, Joseph Mazilier criou Marco Spada para a Ópera de Paris, sendo que esse ballet foi reconstruído em 1981 por Pierre Lacotte. Pois ele criou uma nova versão para o Bolshoi Ballet, que estreou dia 8 de novembro.

Fiz essa introdução para publicar a Evgenia Obraztsova ensaiando o seu papel; de bônus, há o David Hallberg do meio para o final. E quem está sentado comandando o ensaio é o próprio Pierre Lacotte.

Para as apaixonadas por allegro, as coreografias são perfeitas.

Trechos do ensaio de Marco Spada, Bolshoi Ballet, Evgenia Obraztsova e David Hallberg.