Rose Fairy dançando a Valsa das Flores

Dia desses, passeando pela timeline do Twitter, me deparei com este vídeo: Mayara Magri linda, musical e impecável dançando um trecho da “Valsa das Flores”, em O Quebra-Nozes. Mesmo diante de um momento difícil da minha vida, ela colocou um sorriso no meu rosto e afagou meu coração.

Independentemente de como 2022 aconteceu na sua vida, que esses dois minutos também alegrem vocês. Em breve, 2023 estará batendo à nossa porta e daí vamos conversar sobre dança e como as coisas vão acontecer por aqui. Até lá, vamos valsar.

Feliz Natal e um Ano-Novo reluzente para vocês!

The Nutcracker – Rose Fairy performance (Mayara Magri, The Royal Ballet)

Uma Swanilda de tempos atrás

Depois de um mês sem publicações, porque havia um punhado de trabalho para concluir, cá estou sem um longo texto, mas com uma delicadeza.

Carla Fracci (para mim, a melhor Giselle) dançando a “Variação de Swanilda”, do terceiro ato de Coppélia. Sim, aquela variação do casamento. Não consegui descobrir a referência do vídeo, mas tudo indica para um especial de TV.

Como era linda, né? Tanto faz a coreografia ou a obra, eu fico encantada por ela sempre.

Carla Fracci, “Variação de Swanilda”, terceiro ato, Coppélia, 1971.

Fonte: Pointe Magazine