Whatever Lola Wants

“Não sou capaz. Nunca serei.”
“Desista então.”
“Por que não me mostra como se faz?”
“Porque não somos iguais. Lola, eu não posso te ensinar a ser você mesma. […] Dance para você, não para eles. […] Veja toda a energia que você está desperdiçando. Pegue essa energia e use-a. Use tudo o que está vivendo. Não fuja dos seus sentimentos. […] Use o seu corpo. Seja o seu próprio instrumento. Mostre-me o seu interior.”

Ismahan para Lola, no filme Whatever Lola Wants.

Eu soube deste filme por conta da minha ex-professora de dança do ventre. Ela publicou o link no Facebook e eu resolvi guardá-lo para assistir quando tivesse tempo. E ele me tocou de tal maneira que resolvi compartilhar com vocês.

Lola trabalha nos correios de Nova York e faz aulas de ballet clássico. Ela é muito dedicada e sonha em ser profissional, mas se vê obrigada a trabalhar em algo que não gosta. Além disso, está com 25 anos, “tarde demais” para vislumbrar algo além. Graças ao seu amigo, ela descobre a história de Ismahan, uma grande bailarina egípcia.

Em Nova York, ela se apaixona por um egípcio que acaba voltando para o seu país. Lola resolve ir atrás dele no Egito e, bem… Para conhecer o restante da história, vocês terão de assistir.

“Whatever Lola Wants” nos mostra o poder transformador da dança. Não importa qual seja ela, quando a dança é algo genuíno em nós, ela nos move. Mesmo que a sua dança não seja a do ventre, é impossível não se ver na história da Lola.

Quem quiser ter uma ideia, assista ao trailer.

Ganhei meu domingo, minha semana, meu mês, meu ano por conta do que acabei de assistir…

5 comentários sobre “Whatever Lola Wants

  1. Olá talvez vc possa me ajudar, temuma música no filme chamada chik chak chouk cantada por Karim Slaoui, estou tentando consegui-la. Só encontrei na amazon, caso tenha e possa postar no 4shared ficaria mui agradecida

  2. O filme é ótimo, realmente serve como inspiração, mas infelizmente o mundo real não é tão fácil quando tudo o que acontece nesse filme! Ainda mais no Egito! XD

    Mas eu consegui perceber a parte da perseverança, e da busca pelos sonhos, e como às vezes você tem que tomar uma escolha – o amor pela dança ou por qualquer outra coisa. Só fiquei um pouco triste no final pois eu gostaria que a personagem tivesse aprendido que você pode, sim, conciliar família, marido e dança, mesmo que seja profissional. Naquele vídeo você postou da aula do Royal Ballet, vemos uma das bailarinas grávidas e seguindo com sua vida profissional.

    Mas ainda assim é um filme divertido, muito obrigada pela dica!

  3. Achei a dança bem bonita. Não gostei do fato da protagonista ser uma atirada(mal conheceu o cara, louca, louca) e apoiar o adultério da outra como certo(já que se apaixonou de verdade, que se dane o casamento!). A única coisa legal nesse filme é ver a cidade de Cairo e a dança do ventre.

  4. Adorei o filme! Acabei mesmo agora de ver! E inspirou-me tanto…a seguir os meus sonhos e a acreditar que tudo é possível! Identifiquei-me muito com a Lola! Vivemos dramas muito idênticos! Com a excapção de que ela tem 25 anos e eu tenho 18!
    Acho que este filme serve de inspiração não só para bailarinas de todo o mundo. Serve de inspiração também para outras áreas! No meu caso, dança e música (piano) são aquelas áreas que eu adoro profundamente e para as quais sou supostamente “demasiado velha”! Obrigada pelo post! Inspirou-me imesnso! bjs 😀

  5. Olá, acabei agora de ver o filme e adorei-o, inspirou-me muito 🙂 É lindo e eu concordo consigo, eu não danço dança do ventre, mas me consegui ver na história. Todo este poder e amor à dança… nem me consigo expressar, estou completamente emocionada 🙂
    Muito obrigada por ter partilhado 🙂

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s